Segunda, 23 de Julho de 2018
Por Redação  |  Categoria: Diário  |  Fonte: Assessoria de Imprensa Prefeitura de Cuiabá
Quinta, 21 de Junho de 2018 - 12:16
A+ A A-

Educação

Alunos da rede municipal de ensino participam de iniciativa mundial

A maior aula de natação do mundo reúne crianças para alertar contra o afogamento

Alunos das unidades educacionais, EMEB Octayde Jorge da Silva, Ulisses Silveira Guimarães e Ezequiel Pompeu Ribeiro de Siqueira participaram nesta quinta-feira (21), na Academia Medley, da Maior Aula de Natação do Mundo.

Os 100 alunos se juntaram às milhares de crianças ao redor do mundo na iniciativa que pretende vencer a principal causa de morte não intencional, e de lesões de crianças com idades entre 1 a 4 anos, o afogamento.

Em Cuiabá, a Maior Aula de Natação do Mundo reúne mais de 200 participantes entre crianças e professores. E ao redor do mundo, ao longo deste dia, um número estimado de 500 locais, em mais de 20 países em cinco continentes estarão envolvidos na iniciativa.

A coordenadora  da academia, Patrícia Marchesin explicou que o principal objetivo da World’s Largest Swimming Lesson é conscientizar e chamar a atenção de todos sobre a importância das aulas de natação para prevenção de afogamentos.

“Falar sobre esse assunto é essencial já que milhões de crianças nunca tiveram aulas de natação ou aprenderam habilidades básicas de segurança na água. O afogamento é hoje uma das cinco principais causas de morte entre crianças no mundo, e no Brasil essa é a segunda maior causa de óbito de meninos e meninas entre 1 a 9 anos. É por isso que a Academia Gustavo Borges apoia a causa e convida a todos para participar desse grande evento”, destacou ela.

Durante a aula, os alunos acompanhados por professores referência das unidades educacionais, aprenderam com a equipe da academia algumas técnicas básicas de respiração, nado e ainda receberam orientações como a de não entrarem na piscina ou em rios sem a presença de adultos.

“A Maior Aula de Natação do Mundo foi criada para espalhar a mensagem de que as aulas de natação salvam vidas isso porque, tragicamente, o afogamento é a causa líder em morte não intencional e de lesões de crianças. Em Cuiabá, os alunos da rede municipal de educação participam da iniciativa desde 2015 e a ideia é conscientizar as crianças, em relação ao cuidado que devem ter nos nossos rios e em piscinas”, destacou a diretora de Ensino da Secretaria Municipal de Educação, Zileide Lucinda dos Santos.

Siga o CanaãBRASIL no Twitter e no Facebook  

LEIA TAMBÉM

DEIXE SEU COMENTÁRIO

* E-mail:
* Senha:
Seja o primeiro a comentar esta matéria!